Perder uns quilinhos faz bem!

Quem me conhece sabe que não estou assim tão em dia com as tendências do Fitness. Exatamente, estou acima do peso. E assim como eu, o Windows também está tentando perder uns quilinhos. Isso por que nós, gordinhos, sabemos que quando as coisas "pesam" demais elas começam a exigir muito de nosso Hardware, deixando tudo mais lento. Eu por exemplo levo meia hora para sair de casa e chegar à faculdade, enquanto meus amigos gastam menos que a metae do tempo!
 
O Windows 7, por exemplo, terá seriços integrados à plataforma Live, que rodam na nuvem, em vez de usar recursos da máquina do usuário. Entretando, apesar de ser considerado por muitos como um sistema "pesado" o Windows ainda continua sendo o sistema com maior compatibilidade com Harware e o principal: um sistema de fácil utilização!
 
Enquanto isso.. eu ainda estou tentando largar o copo de Coca Cola e a caixinha de BIS
Abraços,
Paulo Ricardo Stradioti
Microsoft Student Partner

Windows Azure Training Kit

Que a computação caminha para as nuvens acho que todos já desconfiavam.
Bem, acabei de apresentar em um post anterior o Windows Azure. Plataforma (SO) da Microsoft para soluções em Cloud Computing. Se você quiser saber mais sobre Windows Azure, você pode fazer o download do training Kit da tecnologia aqui!
 
Faça o Download e mantenha-se atualizado!
 
Abraços,
Paulo Ricardo Stradioti
Microsoft Student Partner

Silverlight Toolkit

 
O Silverlight Toolkit é uma coleção de controles e componentes para Silverlight esenvolvido pela comunidade. O projeto está hospedado no Code Plex, o portal de código aberto da Microsoft. No site do projeto também estão disponíveis algumas demonstrações e dicas de como começar a usar os controles.
 
Atualmente, o Silverlight é suportado pelos mais usados Browsers (Internet Explorer, Mozila Firefox e Safari) para Windows e Mac. Além disso, o desenvolvidmento de Silverlight para Linux também encontra-se bastante avançado.
 
Além disso, um "addin" para o Eclipse pretende oferecer suporte ao desenvolvimento Silverlight na plataforma Java. Isso mostra que a tecnologia realmente veio para ficar.. e a cada dia está melhor!
 
 

Os cabelos de Sansão – A força do Windows Seven!

O título do Post faz uma referência ao personagem bíblico cuja incrível força provinha dos cabelos. Após a traição por parte de sua amada, Sansão teve os cabelos cortados e foi facilmente subjulgado pelos inimigos. Mas o que Sansão, ou melhor a bíblia tem a ver com o Windows Seven?
Isso depende do ponto de vista. Se você for uma das inúmeras pessoas que acreditam que a Microsoft é a besta do milênio, ou então, que a Corportação escolheu o nome Windows Seven por que, segundo a bíblia, o número 7 é o número da sorte, da boa aventurança, então tem tudo a ver!
Senão, foi só uma piadinha de blogueiro para introduzir o assunto realmente importante do post: os cabelos do Windows Seven. Ou melhor, de onde vem a força do Windows Seven.. Trocando em miúdos: os 7 piares do novo sistema operacional; 7 melhorias que prometem tornar o sistema mais cool a estável:
 
Computação Móvel – maior eficiência no gereanciamento de energia, segurança e mobilidade em redes.
Degisn de Serviços – O sistema se concentrará em aplicações primordiais, UX e comunicações ficam em segundo plano – na verdade ficam a cargo da plataforma Windows Live.
Personalização – A novidade são as Interfaces adaptativas. Show!
Entretenimento personalizado – gerenciamento de dispositivos de mídia.
Compatibilidade e estabilidade – O sistema terá um grande foco em compatibilidade com softwares e dispositivos, de acordo com o feedback negativo apresentado por usuários do Windows Vista.
 
Não vejo a hora de conseguir o Beta publico, que chega no começo de 2009!
 
Abraços,
 
Paulo Ricardo Stradioti
Microsoft Student Partner
 
 

Microsoft e a computação nas nuvens!!

Você provavelmente já deve ter ouvido que o futuro da computação são as nuvens. Calma! Não criemos pânico. Nada vai sair voando… pelo menos eu espero que não!
Bem, piadinhas à parte,a expressão computação em nuvem surgiu para designar seriços que ficam integralmente na rede (na internet).  Nuvens são comumente usadas para representar a rede mudial de computadores, daí o uso da expressão "cloud computing" ou computação em nuvem. Alguns especialistas acreditam que dentro de alguns anos todas as nossas atividades serão centradas em serviços online. Outros acreditam que isso vai acontecer em um processo natural e gradativo e há também os que acreditam em uma mistura do dois, computação desktop e em nuvem. Ainda acho difícil que os jogos online consigam cuasar a mesma experiência que nossos clássicos jogos que rodam em nossos desktop tirando sangue da Memória RAM e do DirectX
Entretanto, quando se fala em plataforma para negócios é muito razoável pensar em uma plataforma totalmente online, remota, onipresente.
Nesse sentido, a MIcrosoft anunciou no PDC o Windows AZURE, a "cloud computing plataform" da Microsoft. O Azure é um sistema operacional focado em Cloud Computing e sua chegada ao mercado está prevista para a metade de 2009. A coropração ainda não definiu os preços da solução, mas garante que durante o CTP ele será oferecido gratuitamente!
 
Mais sobre Windows Azure em breve! ;)
Abraços,

Paulo Ricardo Stradioti

Microsoft Student Partner